quarta-feira, 7 de maio de 2008

Onde pára a Polícia?

Fonte:Jornal de Negócios(pt)

O discurso de Bob Geldof num almoço ontem em Lisboa foi empolgante, muito aplaudido, arrancou risos, olhares de consternação e sentimentos de culpa de cidadãos de um país rico que tem um continente com fome a poucas dúzias de quilómetros. Mas só uma vez a plateia se mexeu nervosamente na cadeira: quando a estrela do Live Aid disse que Angola é um país rico e governado por criminosos. A frase caiu como uma bomba numa sala repleta de "relações empresariais" com um país cheio de oportunidades e cheio de dinheiro.

Todavia, o discurso de Bob Geldof deveria ter provocado incómodo maior que esse. O incómodo de uma Europa egoísta nas ajudas a terceiros, arrogante na imagem que faz de si mesma e incapaz de ver a sua própria decadência política e económica num mundo em reequilíbrio. Esse incómodo não se destina a outros povos mas às nossas consciências. Contudo, elas rapidamente ficaram sossegadas depois do almoço e voltaram à vidinha logo depois. Mudar de vida? Mude quem canta rock!




Comentário:Estou ansiosa para saber, o que vai escrever o director do Jornal de Angola, José Ribeiro na sua rubrica " A Palavra do Director" sobre os "Criminosos de Angola".

Estou ansiosa para saber, se ele vai mais uma vez, acusar a imprensa portuguesa de mercenários bombistas venenosos com a intenção de denegrirem a boa imagem de Angola.Imagem essa, fabricada pelo MPLA, pelos governantes e pela cabecinha pensadora deste pseudo-jornalista toxicodependente (em sentido figurado da palavra) do poder e do MPLA.

Estou ansiosa, para ler e apreciar o nível da sua ganza-pedrada, para tentar limpar a imagem das baratas tontas criminosas de Angola, após terem recebido públicamente esta bomba made in Bob Geldof.

Estou ansiosa, para ver até que ponto vai a "Cara de pau", deste director e o seu jornalismo doméstico e partidário.

Na volta, vai remeter-se ao silêncio, e passar por cima da BOMBA, como se ela não tivesse acontecido, pois será muito díficil encontrar argumentos credíveis capazes de contrariarem a INJÚRIA VERDADEIRA de Bob Geldof, ao acusar os governantes de Angola como CRIMINOSOS.

Vamos aguardar ansiosamente e atentamente, pela escrita do director do Jornal de Angola - José Ribeiro.

Nota:Os meios de comunicação ao serviço do poder angolano, não fazem nenhuma referência à Bomba Bob Geldof, nas suas páginas on-line.Limitam-se a propanguear que a Embaixada de Angola em Portugal vai accionar os meios legais contra o difamador Bob Geldof.Não adiantando quais meios.(Deixem-me rir, antes de accionarem os meios...Ver para Crer, como São Tomé...Das palavras aos actos vai uma distância infindável e infundada).

2 comentários:

carla disse...

Olá!
Angola-àfrica se revolta com o acontecido ... mas não a favor dos criminosos mas sim pelo dito de Bob Geldof que agora estao pondo panos quentes ... pois todos os que la querem tirar algum não podem dar a mao a palmatoria. E como tudo isso vai virar pizza. Assim se fala no brasil qdo nao da em nada.
Kiss

cazimar disse...

Olá

Pois é Carla.Só o angolano que sofreu na pele e nos ossos a intolerância e ganância dos criminosos consegue compreender as atitudes desesperadas dos governantes e outros que tais de Angola.Mas como diz a cançaõ...

Na escola da vida ele cresce...
De tanto apanhar se habitua ...

Um dia o saco enche...

E os responsáveis fogem criminosamente nos seus jactos particulares, rumo à Europa.Rumo a Portugal.Porque é em Portugal que eles estão a construir os seus novos impérios através do banco BIC...

E mais não digo, senão são capazes de chamarem-me alcoolica, drogada e outros adjectivos que tais...

Beijocas

Obrigada pela sua visita